COPA 2018: França 4 x 2 Croácia. FRANÇA CAMPEÃ – Análise Especial

A França é bicampeã da copa do mundo.

A copa do mundo da seleção francesa foi como os primeiros 20 minutos da final, entrega a bola pro adversário e se defende até utilizar o contra ataque e PAHHHHH, gol!

No jogo contra o Peru, pela primeira fase da copa, a seleção francesa venceu por 2 a 1 e teve 43% de posse de bola. Nas oitavas contra a Argentina, teve medíocres 39% de posse de bola e mesmo assim passou para as quartas. Contra a Bélgica então, teve 36% de posse de bola. Isso mostra o quanto a seleção francesa, ainda traumatizada pela derrota na Eurocopa em casa, definiu esse estilo de jogo para se livrar do vexame que teve em 16.

Especificamente no jogo da final, a seleção francesa usou e abusou desse método. Teve 34% de posse de bola e quando fez o primeiro gol já imaginávamos como seria a decisão. Parecia que a seleção Croata poderia ficar 20 horas tocando a bola, que não entraria na defesa francesa e iria tomar 4 gols a cada 90 minutos.

Mesmo tomando um gol na falha de seu goleiro, a seleção francesa nessa altura já vencia por 4 a 2, e  encaminhava para o seu segundo título.

A França agora entra no seleto grupo de bicampeãs. E em minha opinião entra no hall de camisas pesadas das seleções mundiais

Allez les Bleus

PONDERAÇÕES

Antes que os letrados do futebol comecem a zurrar sobre a organização do futebol francês, ou das 3 finais nas últimas 6 copas, ou do conceito de futebol defensivo, trago os contrapontos dos “gênios” do jornalismo.

Para aqueles que adoraram o estilo francês de jogar, é importante que se diga que o tenebroso técnico Dunga fez isso muito bem na copa de 2010 e foi massacrado pela maioria dos jornalistas esportivos, muito em função do histórico da seleção brasileira de jogo bonito e blá blá blá. A seleção francesa pode, a seleção brasileira não.

A seleção francesa é campeã da copa da Rússia, será comparada a seleção alemã, pode esperar. Mas não caia nessa onda. Diferente da Alemanha que se preparou para o campeonato de 14, fazendo sua liga nacional ficar mais forte, alimentar e priorizar a categoria de base, distribuir melhor as cotas de TV para os clubes e por conseqüência melhorar todo o futebol, o campeonato francês ao contrário do alemão, é um dos mais fracos campeonatos da Europa. O PSG quando não esta muito afim, até da chance para equipes ao menos disputarem o campeonato. E durante muito tempo o Lyon também dominava o campeonato. Quando quer, o PSG usa apenas o campeonato para preparação para a Champions League. Mas é claro que vão achar algum motivo pra dizer que o campeonato francês é um baita campeonato, mas isso por que é um campeonato europeu, mas se fosse outro…

Jogadores franceses abandonam treinamento em Knysna, perto da Cidade do Cabo, na África do Sul. Briga entre Evra e preparador físico aumentou a crise na França

Muito se falou sobre as 3 finais nas últimas 6 copas, mas se esquecem dos vexames na copa de 2002 e 2010. Em 2002 a seleção francesa era a atual campeã e foi eliminada na primeira fase, um vexame histórico. Ou as brigas que a seleção francesa protagonizou, escândalos entre jogadores, envolvendo coisas pesadas, mas isso não você não verá nos programas…

Fato é, não se paute por opiniões que você vê por ai, tenha a sua opinião e não seja levado por meros letrados que nunca sentaram o bumbum num banco de reservas. Eu sentei, principalmente no banco, era muito ruim.

Parabéns a França

LUÍS FELIPE TIAGO MELO

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

NoticiasRelacionadas

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
SITE E STREAMING BY STREAMING BRASIL